Prêmio Angelo Agostini

links sobre o Prêmio Angelo Agostini (Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre)

Nesta atual edição (26ª) o cartunista Sill foi premiado (como melhor cartunista de 2009).  Cabe rápida apresentação desta premiação para compreensão do significado simbolico deste reconhecimento.

O Prêmio Angelo Agostini é uma das mais tradicionais premiações de arte seqüencial realizada no Brasil. Criado e organizado pela Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC-ESP), o Prêmio tem como objetivo “o resgate e a referência aos grandes artistas do quadrinho nacional”.

O nome do prêmio é em homenagem a Angelo Agostini, criador da primeira história em quadrinhos brasileira (“As Aventuras de Nhô Quim ou Impressões de Uma Viagem à Corte”, que começou a ser publicada em 30 de janeiro de 1869).

Inicialmente, o prêmio visava destacar profissionais que estivessem ligados aos quadrinhos nacionais por, pelo menos, vinte e cinco anos (denominados “Mestres do Quadrinho Nacional”). Depois, ampliou-se a premiação para os melhores trabalhos do ano anterior. Hoje em dia, ainda existe premiação para produção alternativa, através dos fanzines. As categorias da última premiação (de 2005), foram as seguintes:

  1. Melhor Desenhista
  2. Melhor Roteirista
  3. Melhor Cartunista
  4. Melhor Fanzine
  5. Melhor Colorista
  6. Melhor Lançamento
  7. Mestres do Quadrinho Nacional
  8. Troféu Jayme Cortez

Programação do 26°Prêmio Ângelo Agostini

Escrito em janeiro 18th, 2010 em Eventos por Milena Azevedo

O Senac São Paulo e a Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo ( AQC-ESP ), com o apoio do site Bigorna.net e Inarco Internacional , promovem a entrega do 26º Premio Ângelo Agostini , aos melhores do quadrinho nacional do ano de 2009. Marcando os 100 anos do falecimento de Ângelo Agostini.

Ângelo Agostini foi quem realizou a primeira história em quadrinhos, em seqüência e com um personagem fixo, no Brasil, que começou a ser publicada em 30 de janeiro de 1869. O nome dessa HQ era As Aventuras de Nhô Quim ou Impressões de Uma Viagem à Corte, que duraria nove capítulos pelo traço de Agostini.

O evento foi criado em 1984, como O Dia do Quadrinho Nacional , para marcar a publicação do primeiro capítulo de “Nhô Quim” e nesse ano destacará os Cem Anos Sem Ângelo Agostini. O evento também é um momento de encontro entre grandes artistas, jovens talentos e fãs da arte desenhada e, além da entrega do troféu Ângelo Agostini, terá a programação a seguir:

13:00 Exibição do filme Deu no New York Times (roteirizado e encenado pelo Henfil )
Recomendado para maiores de 14 anos

14:30 Palestra A Divulgação dos Quadrinhos na Internet com Carlos Costa , Fábio Sales , Paulo Ramos e Renato Lebeau

15:30 Apresentação de lançamentos de autores nacionais

16:00 Entrega do Prêmios Ângelo Agostini

17:00 Bate-papo com os quadrinhistas

18:00 Encerramento

Durante todo o evento haverá uma banca de venda de revistas independentes de autores nacionais organizada pelo Coletivo Quarto Mundo. Criação de uma HQ coletiva gigante (os presentes serão convidados a desenhar uma seqüência de uma HQ, com tema escolhido no início dos trabalhos. A festa será realizada no dia 27 de fevereiro de 2010, sábado, a partir da 13:00, no Senac Lapa Faustolo, que fica na Rua Faustolo, 1347, Lapa (próximo ao terminal de ônibus da Lapa). Maiores informações pelo telefone: (11) 3475-2200.

Lembrando que os vencedores do 26° Prêmio Angelo Angostini foram:

Melhor Desenhista – Adauto Silva
Melhor Roteirista – Laudo Ferreira Junior
Melhor Cartunista – Sivanildo Sill
Melhor Lançamento – Roko-Loko – Hey Ho, Let´s Go! (Editora Rock Brigade)
Melhor Fanzine – QI (Edgard Guimarães)
Troféu Jayme Cortez – José Salles (Editora Júpiter II)
Mestres do Quadrinho Nacional – Franco de Rosa, Henrique Magalhães e Rodval Mathias

http://www.ghq.com.br/programacao-do-26%C2%B0premio-angelo-agostini/