Início

 S I L L – cartunista caruaruense criador do “fanzine, e livro, Cordel Comix”, Projeto apoiado pelo Funcultura, Secretaria de Educação, Fundarpe e Governo de Pernambuco.

S I G N I F I C A D O:

1- do próprio nome Sivanildo, reduzido Sil, prolongado com mais um “l”

2- Sill: O mesmo que soleira. Corpo tabular de rocha ígnea, geralmente horizontal que penetrou entre camadas de rochas mais antigas. Esta camadas podem ser rochas sedimentares ou mesmo lavas ou planos formados por foliação metamórfica.

Mais do que o fato de ser ou não horizontal ou sub-horizontal, o que caracteriza um sill em geologia é o fato de ser um corpo de rocha intrusivo e concordante a estruturas mais antigas.

Diferentemente de uma camada de lava um sill é sempre um corpo que penetrou entre rochas já existentes, não chegando a alcançar a superfície. Muito comumente um sill é um corpo que deriva lateralmente de outro corpo de rocha ígnea, plúton, dique ou conduto vulcânico.

Na fotografia ao lado vemos um sill que devido à erosão diferencial foi preservado e hoje está exposto na superfície, mas originalmente esteve ligado, em profundidade a um conduto vulcânico.

“S I L L” bem representa esse estigma, nasceu em Caruaru, um lugar sobre o Planalto da Borborema, criou sua própria soleira hoje conhecida como Cordel Comix. Um meio de traduzir a cultura e a perspicácia do homem do agreste pernambucano.

Sill enquanto artista, em sua serenidade estética caracteristica, movimenta por meio de sua arte visão de mundo tipica da região onde vive, seu cartum globaliza essa originalidade expressa como humor.

Torna-se singular pela linguagens,  contudo essa caracteristica possibilita que desenvolva traços reconhecidos universalmente.

Formula do Cordel Comix

  • um lapis
  • uma borracha
  • muita imaginação
  • e uma folha em branco

Sill


glauco

homenagem a Glauco mais um gênio eternizado por sua arte e visão brasileira da vida

Anúncios